Comissão aprova Decreto de Beto que prevê fim da obrigatoriedade da iodação do sal para pecuária

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural, da Câmara dos Deputados, aprovou por unanimidade, nesta terça-feira (11), o Projeto de Decreto Legislativo 780/2017, de autoria do deputado federal Beto Rosado (Progressistas), que prevê o fim da obrigatoriedade da iodação do sal destinado à alimentação animal.

DSC_0055

“Há alguns anos, os empresários do setor salineiro pleiteiam junto ao governo federal, o fim da iodação do sal para consumo animal, compreendendo que não há necessidade de adicionar o iodo, como acontece na produção de sal para consumo humano. Isso representará uma redução nos custos da fabricação voltada à pecuária, e consequentemente, o fortalecimento do setor salineiro, que emprega milhares de potiguares”, explicou Beto.

DSC_0032

Com a aprovação, o PDC – 780/2017 segue para a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s